A queixa traz um alívio inicialmente, visto que culpo alguém pelo meu problema e identifico os responsáveis pelo meu sofrimento e minhas derrotas. Entretanto, a queixa sem reflexões paralisa, pois se a responsabilidade é de outro, que posso eu fazer em relação a isso?

A queixa é da ordem das certezas, e estas muitas vezes são enganosas. Quando tenho certeza, paro de pensar. Friedrich Nietzsche, em 1886, afirmou que “convicções são inimigos da verdade mais perigosos que as mentiras”. (Humano, demasiadamente humano)

A queixa esconde o sofrimento real: enfrentar minha responsabilidade nos acontecimentos os quais estou envolvido, e que me convocam a uma ação e posicionamento.

A suspenção da certeza na psicoterapia proporciona inquietações e dúvidas, é um convite a novas buscas e possibilidades, me apropriar de minha vida e falar em primeira pessoa.

Com carinho ♡

Marina Vidal
Psicóloga
CRP 07/37839

Deixe uma resposta

Redes Sociais!

Uma plataforma que conecta psicólogos e pacientes, possibilitando atendimentos online e presenciais.

© PsicoMed Doctor Psi, LLC. All rights reserved.

Fale com o atendimento
Whatsapp
Whatsapp

Olá, visitante

Entre em sua conta

Ainda não tem cadastro? Abra conta grátis

Olá, visitante

Você tem interesse em um
orçamento de consulta

Receba grátis o contato com o valor
personalizado para a sua consulta hoje mesmo!

Form Apoiar

Olá, visitante

Olá, visitante

Editar Perfil

Ver Perfil Profissional, Editar, Inserir fotos

Chats

Mensagens de chats com pacientes

Notificações

Estatísticas de acesso de visitantes

Feed de Notícias

Posts na timeline dos pacientes

Publicar no Blog

Aumente o alcance de seu perfil

Painel Encaminha

Lista de encaminhamentos

Painel Ads

Gerenciamento de anúncios no Google

Plano Premium

Seu perfil em destaque na plataforma

Painel Financeiro

Sua conta Premium

Minha Conta

Gerenciar conta, alterar senha